Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Rua Cleveland, 250, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 75m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 2,5 . log (D / 6,2) 2 + mVS: 14,7; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,7; Comprimento do tubo óptico: 17”; Massa: 42 libras (19,1kg).

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Asteróide poderá atingir Marte em Janeiro de 2008

Uma rocha espacial denominada de 2007 WD5 tem o planeta vermelho como alvo.

Francis Reddy

O asteróide 2007 WD5 poderá chocar-se com Marte no dia 30 de janeiro de 2008? As probabilidades para que isso aconteça estão agora em 1 para 75.

Um pequeno asteróide descoberto no dia 20 de novembro pode atingir Marte em janeiro. Astrônomos, com a colaboração com o NASA's Near Earth Object (NEO) Program do Jet Propulsion Laboratory (JLP), em Pasadena, California, calculam como sendo uma chance de 1 para 75 para que a colisão aconteça no dia 30 de janeiro. Embora isso pareça remoto, é menos do que foi estimado anteriormente, na última semana, quando os resultados previam uma probabilidade de 1 em 350.

O astrônomo Steve Chesley, do NEO, que costuma trabalhar com probabilidades de 1 para 1.000.000, diz que esse evento é “extremamente raro” e, a menos de uma reviravolta, todos esperam um impacto.

Uma esquadrilha de sondas orbitando o planeta vermelho —Mars Express, da Agência Espacial Européia (ESA) e as Mars Reconnaissance Orbiter e Mars Odyssey, da NASA — se posicionarão em órbita para observar o impacto e seus efeitos. Observatórios situados na Terra poderão observar o impacto, uma vez que Marte oferece condições favoráveis , pois se encontra em oposição.

Os astrônomos dizem que o 2007 WD5 tem 50 metros de comprimento. Se ele impactar a superfície de Marte, a energia liberada com o impacto seria similar ao impacto que aconteceu em 1908, na planície de Tunguska, na Siberia, onde um asteróide, também rochoso, explodiu sobre a taiga. A explosão derrubou e deixou marcas nas árvores em uma região em torno de 2.100km².

Uma diferença: o asteróide de Tunguska provocou um grande deslocamento de ar e não deixou marca de cratera, ao passo que o asteróide 2007 WD5 provavelmente chegará à superfície de Marte intacto.

Acompanhe a trajetória do asteróide através de um applet da NASA. Pela animação do applet, pode-se ver que o asteróide por pouco não se chocou com a Terra!!!!

http://ssd.jpl.nasa.gov/sbdb.cgi?sstr=2007%20WD5&orb=1

quinta-feira, 23 de agosto de 2007

CMPA tem quatro alunos na fase nacional da X OBA

É com grande alegria que recebemos nesta semana em curso os resultados da X Olimpíada Basileira de Astronomia, realizada no dia 04 de maio passado. Dos cinquenta (50) alunos selecionados entre 342.000 participantes de todos os recantos do Brasil, quatro são do CMPA! São eles:
Nathan Willig Lima (Turma 201)
Otávio Macedo de Menezes (Turma 107)
Georgia Rosa Rohde (Turma 801)
Cesar Elias Ribeiro Junior (Turma 803)
Esses quatro alunos estão sendo convidados a participar, entre os dias 2 e 6 de setembro, na cidade de Passa Quatro, Minas Gerais, do processo seletivo que destacará cinco alunos para representar o Brasil na Olimpíada Internacional de Astronomia, que será realizada em algum país na Ásia, ainda não anunciado, em outubro de 2008, e que neste ano de 2007 está sendo realizada na Criméia.
Aos quatro alunos, nossos parabéns e sucesso na empreitada!

terça-feira, 10 de julho de 2007

Aluno Nathan conclui semestre especial na UFRGS

O aluno Nathan (nathan.willig.@gmail.com), da Segunda Série do Ensino Médio do CMPA, concluiu na semana passada, mais precisamente na quinta-feira, 05, sua participação como aluno especial na disciplina "Introdução à Astronomia" no Instituto de Física da UFRGS. Lembramos que esta disciplina é oferecida regularmente para alunos de quinto semestre, tanto da Licenciatura quanto do Bacharelado em Física. No dia 05 foi realizada a última prova, sobre "Galáxias e Cosmologia" e seu resultado, informado ontem, foi um belo 10,0! Lembramos que na segunda prova ele tirou 9,3, a nota mais alta. O resultado da primeira prova foi 8,0. Esta primeira prova lhe foi oferecida "de surpresa", quando ainda estávamos apresentando o aluno ao prof. Dr. Kepler de Oliveira Filho. Olhando os resultados online, sua média é a mais alta da disciplina, neste semestre.

No próximo semestre ele deverá cursar outra disciplina: Astrofísica Estelar! Que tenha nosso apoio e de toda comunidade escolar do CMPA. Parabéns, Nathan!

segunda-feira, 25 de junho de 2007

Alinhamento dos planetas Vênus e Saturno

Venus e Saturno estão convergindo para se encontrarem em 30 de junho, quando o par ficará separado epenas por uma distância angular de 0°44'. A partir de hoje, poderemos acompanhar a distância entre eles ir diminuindo. Para isso, é só olhar para cima! Ou, melhor, após o pôr-do-sol, olhe para o oeste e localize Vênus (é fácil: é o astro mais brilhante por aqueles lados e de todo o céu, não tem como errar). Saturno é o ponto brilhante amarelado ao seu lado.
Para se ter uma idéia do que seja uma separação de 0°44', recorte um pequeno quadradinho de 6,0mm de lado e aponte-o para o céu a uma distância de 50,0cm dos olhos, com os braços esticados. A distância angular entre um lado do quadrado e outro lado oposto, 6,0mm, corresponde a uma separação angular de 0°44'!
Quem puder ver, tente fotografar!

sábado, 23 de junho de 2007

Projeto Astronomusic citado no V Encontro de Planetários do Mercosul

Olha só, gente, há poucos dias coloquei no blog um artigo interessante sobre uma dupla gaúcha que vem compondo músicas inspiradas na astronomia, o Astronomusic, entre tantos do mundo inteiro. Hoje recebi um e-mail deles comunicando que foram citados no V Encontro de Planetários do Mercosul, ralizado em junho em Buenos Aires, Argentina:
"... Dentre as colaborações externas podemos destacar: o Laboratório de Microgravidade da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) , o Astronomusic (compositores e intérpretes de música que têm como tema inspirador a Astronomia e a Astrofísica), o V COMAR (5º Comando Aéreo Regional), etc...".
*Extraído do texto "Itinerários científico-culturais no Planetário da UFRGS" gentilmente cedido pela palestrante Dra. Steffani do Departamento de Física – IF-UFRGS e Planetário/PROREXT – UFRGS
(links destacados por mim)
Para os alunos que estão comprando a revista Astronomy Brasil , eles foram citados na edição de março em uma matéria da Dra. Maria Helena Steffani, coordenadora do Planetário José Baptista Pereira, de Porto Alegre, sobre a importância social dos planetários (páginas 74 e 75).
Não é pouca coisa! Acho que vale a pena trazê-los para um bate-papo no Colégio. O que acham?

terça-feira, 19 de junho de 2007

Música inspirada na Astronomia


Os gaúchos Zózimo Rech e Adrianne Simioni têm um projeto chamado Astronomusic (http://www.astronomusic.com/) que teve sua estréia com o lançamento de 3 CDs de música progressiva (rock progressivo, música eletrônica, new age...) no Planetário de Porto Alegre. O projeto deles é criar música programática inspirada em temas astronômicos e astrofísicos. Atualmente eles estão planejando fazer apresentações ao vivo com o auxílio de parte visual em telões e, junto com a energia da performance, ajudar a despertar o interesse dos jovens pela ciência. No site encontramos na sessão DISCOGRAFIA os textos que acompanham os encartes de cada um dos 3 CDs e uma amostra de cada uma das músicas. Não deixem de olhar e escutar. Existe até a possbilidade deles fazerem uma apresentação e palestrarem para os alunos do Clube e para o Colégio de maneira geral.

domingo, 17 de junho de 2007

Nathan no Instituto de Física da UFRGS

O aluno Nathan está vivenciando uma experiência inédita. Devido ao seu precoce interesse pelos assuntos da astrofísica, seu desempenho em olimpíadas de astronomia e pelo seu conhecimento e habilidades no trato dessa área, lhe foi permitido assistir neste semestre as aulas da disciplina de Astronomia e Astrofísica do renomado Prof. Dr. Kepler de Oliveira Filho. Essa disciplina é ministrada aos alunos do quarto semestre do Curso de Física da UFRGS. Para poder participar como aluno especial, o Nathan teve que se submeter a uma prova escrita. Ele já fez a segunda prova e está sendo indicado para participar de outra disciplina no próximo semestre. Ele vai cursar Astrofísica Estelar, ministrada pelo Prof. Dr. Charles José Bonatto. Ao aluno Nathan nossos parabéns!

sábado, 16 de junho de 2007

Alunos do Clube de Astronomia participam de Curso do Observatório Nacional

Vários alunos da Oitava Série e do Ensino médio estão participando do curso à distância de Astrofísica Estelar promovido pelo Observatório Nacional do Rio de Janeiro. Inclusive já participaram de uma primeira dentre quatro provas que o curso promoverá para fornecer certificados. Embora as inscrições já tenham se encerrado, o curso de astronomia à distância está disponibilizado para leitura e estudo de livre acesso para qualquer internauta. Seus temas são digitalizados em arquivo PDF, o que facilita muito, inclusive, sua gravação para posteriores leituras e estudos. É um material de altíssima qualidade e de bela disposição didática. Não deixe de acessá-lo.

segunda-feira, 7 de maio de 2007

Polo Sul Celeste

As atividades do Clube de Astronomia recomeçaram esta semana a todo vapor. Os grupos de quinta série e de oitava série estudaram hoje, a partir de discussões das questões da última OBA, algumas "linhas" importantes pra localização dos astros. Hoje, marcadamente, aprendemos a localizar o equador celeste, o eixo do mundo e o polo sul celeste. Na foto ao lado, tirada pelo Cel Araujo, os alunos amontoam-se diante da linha meridiana que está desenhada no pátio do colégio para identificar o norte e o sul astronômicos, bem como para aprender apontar para o polo sul celeste.

domingo, 6 de maio de 2007

X Olimpíada Brasileira de Astronomia

Na tarde de sexta-feira, dia 04 de maio passado, vinte e três alunos do CMPA, 11 alunos do Ensino Médio e 12 alunos do Ensino Fundamental, entre integrantes do Clube de Astronomia e interessados, realizaram as provas de Nível 3 (quinta a oitava séires do ensino fundamental) e Nível 4 (ensino médio) referentes à X Olimpíada Brasileira de Astronomia (X OBA). Foi uma experiência fascinante para quem participou pela primeira vez e uma confirmação para quem já havia participado em outros anos. Para quem não participou fica a certeza que deixou ou perdeu a oportunidade de vivenciar uma grande experiência.

Um agradecimento e um elogio especial quero referir aos alunos Fernanda Costa, Maíra, Pedro Rodrigues e Valdez, da Terceira Série, que desde a oitava série têm participado de todas as provas das diferentes OBAs com o espírito despregado, alegre, crítico e comprometido. Esta foi a última participação deles como alunos do Colégio. Parabéns a eles, pois se levarem esse espírito para suas futuras profissões, tenho certeza que nossa sociedade poderá contar com grandes profissionais, em diferentes áreas!

Não foi desta vez!

Saíram os resultados da seletiva para compor os integrantes que participarão da XII Olimpíada Internacional de Astronomia na Criméia. E na lista dos selecionados não consta o nome do nosso aluno Nathan! De qualquer forma, felicitamos o aluno Nathan pela grande particpação em todas as etapas do processo seletivo. Acreditamos que, para vencer o aluno Nathan, realmente os classificados devam ter expressado com muito melhor qualidade suas respostas. Parabéns aos selecionados e que em outubro representem muito bem o Brasil, como o nosso aluno o teria feito.

quinta-feira, 26 de abril de 2007

Vem aí a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

No dia 4 de maio á tarde, a partir das 14h00min, em todo o Brasil estará acontecendo a X Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, sob o patrocínio da Sociedade Astronômica Brasileira. Estamos convidando todos os alunos do Clube de Astronomia do CMPA, bem como seus simpatizantes e ex-integrantes, a participarem. Mais informações sobre a olimpíada podem ser obtidas no site da OBA. Quem quiser melhor se preparar, acesse diretamente os gabaritos das provas passadas. Solicita-se que durante a próxima semana, de 02/05 a 03/05, os alunos interessados em participar da OBA se inscrevam no laboratório de Física.

segunda-feira, 16 de abril de 2007

Semana mundial da Astronomia e dia mundial da Astronomia

Nesta semana que transcorre, desde hoje, 16 de abril, até 21 de abril, está acontecendo um evento mundial denominado de Semana Mundial da Astronomia. No dia 21, sábado, será comemorado o Dia Mundial da Astronomia (o Astronomy Day), organizado mundialmente pela Astronomical League. Apesar deste evento estar programado e constando nas páginas de nossas agendas, não pudemos participar a contento, uma vez que esta semana coincide ainda com a realização das AEs - 01! Nosso Colégio está cadastrado para participar do evento e, para isso, pensamos em realizar velhos sonhos: construção do relógio de sol no pátio do Colégio, desenhar no pátio os planetas em escala tendo o Sol como um disco de 4,0m de diâmetro, desenhar, também no pátio, as distâncias dos planetas ao Sol em escala, tendo como maior distância, a de Plutão, uma linha que ligue a parede do rancho dos soldados à parede do Laboratório de Física e outros eventos que deveriam ser programados pelos alunos do Clube de Astronomia.
A proposta de se instituir uma semana ou dia mundial da astronomia vem com o objetivo de agitar as instituições que trabalham com astronomia no mundo inteiro a promoverem eventos populares para a divulgação da astronomia, desde mostra de trabalhos em escolas, exposições em centros especializados, observações do céu, etc.
Mas parece que teremos outra oportunidade. Em setembro, de 10 a 16 acontecerá novamente o evento da Semana da Astronomia, culminando com o Dia da Astronomia, no dia 15. E nesse período, não haverá AEs!
Parece estranho termos duas semanas da astronomia e dois dias da astronomia? Leia o fact sheet e você entenderá melhor.
O dia Internacional da Astronomia nada tem a ver com o Dia Nacional da Astronomia no Brasil, que acontece no dia 2 de dezembro! Na realidade, esse dia é o Dia Estadual do Astrônomo, segundo lei estadual do estado do Rio de Janeiro, que, parece, vai se institucionalizar nacional, com o passar do tempo.

sábado, 14 de abril de 2007

Criméia espera por Nathan!

Voltamos! Nas datas desde 11 a 13 de abril desta semana estivemos em São Paulo, mais precisamente em Itapecerica da Serra. Neste prazeroso local, no Hotel Terras Altas, cinquenta alunos de ensino médio e fundamental de todo o Brasil disputaram as cinco vagas existentes para participar da XII Olimpíada Internacional de Astronomia, que se realizará na Criméia, Ucrânia, em final de outubro ainda deste ano. Foram praticamente três dias dormindo tarde, acordando cedo, estudando, realizando provas e muito pouco lazer. Posso dizer que nosso aluno e colega Nathan Willig Lima se saiu muito bem, com ótimas perspectivas de poder participar novamente de uma final internacional. Vamos ficar na torcida, pois a turma que estava lá era muito boa.

domingo, 8 de abril de 2007

Astronomia nas AEs



Nas semanas de realização das AEs-01 (de 09/04 a 21/04), não teremos atividades (encontros regulares, observações, etc) no Clube de Astronomia. A última observação ocorreu no dia 13 de março! De lá para cá, nunca mais tivemos uma noite clara, limpa, sem nuvens. Só espero que nessas duas semanas não aconteça nenhum evento não previsto e que as noites continuem não sendo boas para observações.

sábado, 24 de março de 2007

Fotos dos campeões

Na foto ao lado, vemos o aluno Nathan ao lado do ex-aluno Milton VIEGAS Júnior. O então aluno Viegas, em 2001, após participar da IV Olimpíada Brasileira de Astronomia (IV OBA) foi selecionado para participar da VI Olimpíada Internacional de Astronomia (VI OIA), na Criméia, em outubro deste mesmo ano. Como conseqüência dos incidentes acontecidos em 11 de setembro, quando foi colocado abaixo o WTC, muitas equipes no mundo todo desistiram de participar da OIA naquele ano. A partir daí, a equipe brasileira passou a participar das OIAs, sempre no ano seguinte à classificação de seus representantes em jornada nacional. O ex-aluno Viegas hoje é aluno do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), em vésperas de concluir seu curso de engenharia. Sempre que pode, em férais e feriados prolongados, ele vem nos visitar.

Nesta outra foto, o aluno Nathan está ladeado pelo então atual cadete da AMAN, Bruno LION Gomes Hack. O ex-aluno Lion, juntamente com o aluno Viegas, na época, também foi selecionado para particpar da OIA na Criméia (sim, tivemos dois representantes internacionais numa mesma olimpíada!). Porém, o adiamento da participação do Brasil para o ano seguinte, colocou em conflito seus interesses particulares e projetos de vida, no qual seu sonho maior era o de entrar para a AMAN. Com isso, como as competições da OIA na época coincidiram com os exames de seleção para a EsPCEx, sua opção foi por este último, abrindo mão de participar da Internacional. Para quem não percebeu, quem se encontra à direita do aluno Nathan, sou eu!
Nathan vai de novo?

Foi com alegria que, ao abrir meus e-mails ontem à noite, encontrei o chamamento do aluno Nathan Willig Lima, da turma 201 do CMPA, para fazer parte dos cinqüenta alunos selecionadas na última Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (IX OBA) que se realizou no ano de 2006, quando dela participaram 305 000 alunos em todo o Brasil. Com isto, nos próximos dias 11, 12 e 13 de abril, o aluno Nathan irá se deslocar para São Paulo, onde participará de três dias de estudo intensivo para, ao final, no dia 13, "curtir" uma última prova de seleção, de onde sairão os 5 (cinco) alunos que representarão o Brasil na X Olimpíada Internacional de Astronomia que se realizará na Criméia, uma península ucraniana situada na costa setentrional do Mar Negro, na Ásia. Os alunos que participarão desta seleção irão se hospedar no Hotel Terras Altas, em Itapecerica da Serra, São Paulo.
Parabéns, Nathan!

Aproveito para estimular os outros alunos integrantes do Clube de Astronomia a participarem da próxima OBA, que se realizará em maio e lembrando que o Nathan foi para a China (na foto ao lado, fazendo pose ao passear pela Grande Muralha), em 2005, quando ainda estava na Oitava Série. Vamos ler, participar e dar um banho na próxima Olimpíada!

terça-feira, 20 de março de 2007

Deu água!

Bah, desta vez nos demos mal! As atividades de observação de ontem foram literalmente por água abaixo. A chuva e o céu encoberto não permitiram que aqueles que ainda não aprticiparam de uma observação do céu pudessem fazê-lo. Mas vamos marcar outra para a semana que vem. Fiquem no aguardo de novo convite para observação. Vamos ver se no dia 21 o tempo coopera para podermos realizar nossa atividade solar no pátio. Esperem notícias sobre a atividade.

terça-feira, 13 de março de 2007

Vencemos!!!!!!!!!
Finalmente, vencemos as intempéries! Na noite de hoje, conseguimos realizar uma bela noitada de observação do céu. No horário de início das atividades, até levamos um susto. O céu estava nublado, quase que completamente fechado. Achamos que não ia dar para ver nada. Mas resolvemos ficar. Aproveitamso para fazer uma preleção inicial até as 19h00min. Nesta preleção, entregamos os mapas do céu (vista norte e vista sul) e de algumas constelações (Órion, Cruzeiro do Sul, Carina, Vela, Gêmeos, Cocheiro, Leão e Câncer), identificamos algumas estrelas interessantes e fizemos algumas orientações de praxe, de como se comportarem na atividade e como trabalhar com o telescópio. Quando nos dirigimos ao pátio, eram visíveis somente as estrelas Sírius e Canopus. Lentamente o céu foi escurecendo e as nuvens se dissipando. A primeira observação com aparelho foi a do planeta Vênus, que estava bastante visível no horizonte leste. à medida que o céu escurecia e limpavam as nuvens, fomos identificando todos os outros astros previstos para serem observados e os não previstos. Vimos Saturno com o telescópio. Maravilhoso! Às 20h00min, não havia mais nuvens no céu.
A participação dos alunos foi muito boa. Muitas perguntas, muitas sugestões! A nossa noitada foi abrilhantada também pela participação dos professores Mauro, Gravina, Paim, Cel Araujo e o Comandante, Cel Vasconcellos.
Vamos para outra, breve!
Observação do Céu no pátio do CMPA


Na noite de hoje, entre 18h00min, e 21h00min, estaremos reunindo alunos do Clube de Astronomia para nossa primeira obsrevação do céu. Esperamos que não chova e que as nuvens não apareçam. Nossa programação consta em observar as constelações de verão, que ainda estão no alto do céu, os planetas Vênus e Saturno e as constelçaões de outono que estão surgindo no horizonte leste. O objetivo pedagógico central da atividade é fazer com que os alunos aprendam a consultar uma carta astronômica localizando os astros a partir das diferentes referências gráficas da mesma.

terça-feira, 6 de março de 2007

Atividades do mês de março/2007

Finalmente, já começamos as atividades semanais com todos o grupos do nosso Clube. Na semana passada, dias 28 de fevereiro e 2 de março, iniciaram os grupos da Sexta/Sétima Séries e Ensino Médio, respectivamente. Nesta semana, no dia 5 de março, iniciaram os grupos de Quinta Série (às 14h00min) e Oitava Série (15h00min). Sejam todos bem-vindos, tantos os integrantes antigos, quanto os integrantes novos!

Para terça-feira, dia 13 de março, estamos programando nossa primeira noitada de observação do céu. Deverá acontecer no pátio do Colégio, com início às 18h00min, extendendo-se até 21h00min. A finalidade é a de aprendermos a localizar os principais astros e cosntelações através de uma carta celeste, observar as constelações de verão, que já estão prestes a sair do céu, e esperar as constelações de outono, que já estão surgindo no horizonte leste. Deverão ser observados, com e sem aparelho, os planetas Vênus e Saturno. Existe a possibilidade de dividirmos as observações em duas noites distintas, acrescentando a noite de quarta-feira, dia 14 de março, para aqueles que pode participar num dia e não podem no outro, ficando livre para quem quiser participar nas duas noites. Aguarde confirmação.

No dia 18 de março, domingo, acontecerá o almoço no Observatório Capitão Parobé. Esperaremos o equinócio de outono realizando uma série de atividades. Entre tantas, podemos mencionar como principais: 1. construção de gnomon; 2. determinação da linha meridiana do local; 3. construção de relógio-de-sol verdadeiro; 4. observação do sol com telescópio, utilizando filtro solar especial e por projeção em anteparo; 5. localização do equador celeste e medida da altura equatorial utilizando o Sol.


sexta-feira, 2 de março de 2007

De volta das Férias!


Eba! Cá estamos de novo, de volta das férias! Cheios de projetos, ansiosos por começar. Espero que neste ano de 2007 tudo aconteça dentro do previsto na nossa genda de projetos, eventos e atividades. Mas, também, preparemos nosso espírito para as frustrações, tão naturais nesta área, decorrentes do mau-tempo. Desde o dia 28 de fevereiro, reiniciamos nossos encontros semanais para cada grupo com uma hora de duração. Para tanto, os encontros foram organizados da seguinte maneira: quinta-série, nas segundas-feiras, das 14h00min às 15h00min; sexta e sétima séries, nas quartas-ferias, das 14h00min às 15h00min; oitava série, nas segundas-feiras, das 15h00min às 16h00min; ensino médio, nas sextas-feiras, das 14h00min às 15h00min. As observações sistemáticas do céu à noite também reiniciarão, com ou sem telescópio. Esperemos a programação que logo será enviada para cada um dos componentes do Clube.Para este mês de março, já estamos programando um pic-nic para o dia 18, domingo, no ambiente do Observatório Capitão Parobé (na agenda do Colégio, que foi entregue para todos os alunos e professores, a data aponta para o dia 16, mas esta não é a data correta), para esperarmos o equinócio de outono, que acontecerá no dia 21. Almoçaremos por lá mesmo, enquanto nos empenhamos na execução de atividades tais como: 1. construção de gnomon; 2. determinação da linha meridiana do local; 3. construção de relógio-de-sol verdadeiro; 4. observação do sol com telescópio, com filtro e por projeção;Para o mês de abril, participaremos do Dia Mundial da Astronomia (21/04) e da Semana Mundial da Astronomia (de 16 a 21 de abril), de acordo com os critérios estipulados pela Liga Astronômica Internacional:
com as seguintes atividades: 1. divulgação da astronomia no Colégio; 2. pintura no chão do sistema solar em escala; 3.pintura no chão das distâncias do sistema solar na proporção do pátio do Colégio; 4. outras atividades (pinturas, desenhos, maquetes, etc).E no mês de maio tem a X Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (X OBA), que ocorrerá numa sexta-feira, dia 4, no horário da tarde, com início às 14h00min. Vamos participar, como acontece tradicionalmente, desde 2001.

O trânsito de Mercúrio em 2006

No apagar das luzes do ano letivo de 2006, exatamente na tarde do dia 8 de novembro, ocorreu um trânsito de Mercúrio. Alunos do CMPA participaram da observação do trânsito, juntamento com professores e funcionários, no pátio do Colégio. O nosso ex-comandante, Cel Piaggio, prestigiou o evento, também participando das atividades.

O que é um trânsito? Os planetas do nosso sistema solar
giram em torno do Sol com os planos de suas órbitas ligeiramente inclinadas, em relação à órbita da Terra.
Esses planos orbitais oscilam, no que poderíamos dizer numa linguagem figurada, "para cima e para baixo". Em algum momento desta oscilação, os planetas internos (Mercúrio e Vênus) passam pela frente do Sol em relação à Terra. Então, é possível ver sobre o disco do Sol a silhueta escura do planeta se deslocando sobre o mesmo.

As observações que fizemos foram feitas com projeção da imagem do Sol sobre uma cartolina branca. Escolhemos fazer deste modo, para que todos que participassem pudessem ver o evento, sem precisar esperar em filas, caso usássemos os filtro solar para observação direta pelo telescópio. O Cel Araujo gravou várias fotos do evento. Na foto ao lado, mostramos o disco do Sol projetado na cartolina e uma caneta apontando para o minúsculo ponto escuro da silhueta do planeta Mercúrio "entrando" na luminosidade do disco solar. As imagens não estão muito nítidas, porque a projeção perde um pouco da luminosidade da imagem.

Nesta data, ainda fomos agraciados com uma bela mancha solar, que aparece na parte inferior do disco solar