Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Rua Cleveland, 250, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 75m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 2,5 . log (D / 6,2) 2 + mVS: 14,7; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,7; Comprimento do tubo óptico: 17”; Massa: 42 libras (19,1kg).

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

PRIMEIRAS IMAGENS VIA INTERNET



COLÉGIO MILITAR DE PORTO ALEGRE
(CMPA/1912)



OBSERVATÓRIO ASTRONÔMICO DIDÁTICO CAPITÃO PAROBÉ



Na noite de 27 de setembro de 2012, quinta-feira, os aficionados pela Astronomia do CMPA, obtiveram uma grande vitória. Imaginado já há alguns anos conseguimos fazer a primeira transmissão de imagem obtida pelo nosso telescópio Celestron de 11 polegadas via internet em tempo real. A transmissão foi realizada utilizando uma webcam Microsoft HD, acoplada ao C11 com ocular de 25mm, sendo as imagens disponibilizadas via programa Skype. O objeto celeste apresentado foi a Lua, num bonito quarto crescente. Como o campo de visão do telescópio é menor do que o nosso satélite natural, foi possível “passear” pela superfície lunar através de nossas lentes.
Para operacionalizar a transmissão foram ao Observatório os professores 1º Ten Bruscato e 1º Ten Victor, sendo que o Prof. Gomes ficou incumbido de acessar as imagens pelo PC em sua casa. E assim foi feito. Aproximadamente às 21 horas o Prof. Gomes recebia em sua casa via Skype as primeiras imagens em tempo real da Lua geradas no Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé. Como já fora previamente anunciado o evento aguardamos a solicitação de conexão de outras pessoas interessadas, o que ocorreu com o Cel Araújo e com o ex-aluno do CMPA Leandro Tavares Bruscato.
Para confirmar o sucesso de nossa empreitada, foi solicitado àqueles que receberam as imagens que nos enviassem uma foto da tela do computador.
Este é o primeiro passo de uma importante atividade que pode ser desenvolvida no Observatório, a disponibilização de imagens em tempo real via internet. Os próximos desafios são utilizar programa específico para envio das imagens e que permitam mais de uma pessoa acessa-las de cada vez, além de utilizar câmeras CCD específicas para captação de imagens astronômicas.
Acompanha esta postagem as imagens da Lua recebidas pelo Prof. Gomes, Cel. Araújo e ex-aluno Bruscato, além de uma imagem obtida diretamente do PC do Observatório.

Porto Alegre – RS, 01 de outubro de 2012.




Gentil César Bruscato – 1º Ten QAO