Informações técnicas


Este blog é dedicado à divulgação das atividades do Clube de Astronomia e do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé do Colégio Militar de Porto Alegre.

Localização

Rua Cleveland, 250, bairro Santa Tereza, Porto Alegre

Rio Grande do Sul – Brasil

30º03’55”SUL 51º13’04”OESTE

Altitude: 75m

Características óptico-físicas do telescópio Celestron C11

Sistema óptico: Catadióptrico Schmidt-Cassegrain; Abertura (D): 11pol (279,4mm); Distância focal do espelho primário(F): 110,2 pol (2799,1mm); Razão focal (número f) = F/D: f/10; Maior aumento útil: 660X; Menor aumento útil: 42X; Poder de resolução (s) = 11,6”/D: 0,42”; Resolução fotográfica: 200 linhas/mm; Poder de concentração de luz: 1593X; Magnitude visual limite m lim = 2,5 . log (D / 6,2) 2 + mVS: 14,7; Foco próximo com ocular: 60’; Foco próximo com câmera: 60’; Comprimento do tubo óptico: 25 pol (635,0mm); Massa: 27,5 libras (12,5kg).

Características óptico-físicas do telescópio Celestron CPC800

Sistema óptico: Catadióptrico Schimidt-Casegrain; Abertura: 8pol (203,2mm); Distância focal: 2032mm (80”); Número f: f/10; Maior aumento útil: 480X; Menor aumento útil: 29X; Poder de resolução: 0,57”; Resolução fotográfica: 200linhas/mm; Poder de concentração de luz: 843X; Magnitude visual limite: 14,7; Comprimento do tubo óptico: 17”; Massa: 42 libras (19,1kg).

terça-feira, 30 de outubro de 2012

OBSERVATÓRIO ASTRONÔMICO DIDÁTICO CAPITÃO PAROBÉ LANÇA CARTÃO POSTAL COMEMORATIVO DOS SEUS DEZ ANOS DE EXISTÊNCIA

Antecipando as comemorações dos dez anos de existência do Observatório Astronômico Didático Capitão Parobé, foi lançado um cartão postal que deverá ser entregue para os visitantes do Observatório, quando lá se fizerem presentes. As dimensões são 10cm X 15cm, tendo no anverso a foto do prédio do Observatório no cenário ambiente e os logotipos do CMPA e do Observatório, e no verso a foto do telescópio Celestron C11, bem como os dados de identificação, endereço, latitude, longitude e altitude e espaço para dedicatórias.





Encerramento do GTTP 2012



CLUBE DE ASTRONOMIA DO COLÉGIO MILITAR DE PORTO ALEGRE
OBSERVATÓRIO ASTRONÔMICO DIDÁTICO CAPITÃO PAROBÉ

Galileo Teacher Training Program - GTTP 2012 – 4º Dia

No último dia de nosso proveitoso Curso de Extensão de Formação de Professores em Astronomia, iniciamos o dia com a palestra do Prof. Rogério Riffel (UFRGS), com o tema “Procura de vida fora da Terra” com interessante abordagem sobre; - O que é vida? – Onde procurar por vida fora da Terra? – Programas de busca de vida inteligente fora da Terra, entre outros. Na sequência a Profa. Daniela B. Pavani (UFRGS) ministrou a palestra “Nossa Estrela o Sol e a Evolução Estelar”,  apresentando características do processo de ignição de uma estrela, comparação de massas estelares, processo de  evolução das estrelas e do sistema solar. A tarde a houve a realização da oficina “A Terra como um grão de coentro” coordenada pela Profa. Maria de Fátima Oliveira Saraiva (UFRGS), onde os professores construíram um modelo planetário em escala de tamanho usando grãos de vegetais para comparação de tamanho, a exceção do Sol que foi representado por uma bola de 23 cm de diâmetro, onde, por exemplo,  a Terra é representada por um grão de coentro e Júpiter por uma noz. Em seguida houve a distribuição do modelo de sistema planetário em escala de distância no estacionamento do Centro de Eventos da FAURGS, que se mostrou pequeno para a montagem, uma vez que nesta escala de tamanho a escala de distância para representar desde o Sol até Netuno seriam necessários, aproximadamente, 1.000 metros.
Na sequência houve a solenidade de encerramento do curso, onde a coordenadora Profa. Daniela B. Pavani (UFRGS), agradeceu a colaboração dos alunos, a presença dos diversos palestrantes de alto nível e a participação entusiasmada dos trinta professores de diversas regiões do estado. Para o próximo ano já fomos convidados para participar do GTTP 2013 a ser realizado sob a coordenação do Departamento de Astronomia da UFPel.
Ficamos com impressão positiva das possibilidades de utilizar a Astronomia como poderosa ferramenta de motivação no processo de ensino-aprendizagem e no desenvolvimento de atividades interdisciplinares.
Para finalizar o Clube de Astronomia do Colégio Militar de Porto Alegre recebeu honroso convite de realizar o GTTP 2014. Como dizer não a tamanha demonstração de confiança em nosso trabalho? Mãos à obra!
.

Gramado – RS, 26 de outubro de 2012
Gentil César Bruscato – 1º Ten QAO


Victor Sardinha Bexiga – 1º Ten QCO
CINCO ALUNOS DO CMPA CLASSIFICADOS NA XV OBA PARA A PRÉ-SELEÇÃO VISANDO AS OLIMPÍADAS INTERNACIONAIS DE ASTRONOMIA

Com muito orgulho recebemos na noite de ontem e-mail notificando a classificação de cinco alunos do CMPA para realizar a prova de pré-seleção para as olimpíadas internacionais de astronomia. Atualmente o Brasil participa de duas olimpíadas internacionais, a Olimpíada Latino-Americana de Astronomia (OLAA) e a International Olympiad of Astronomy and Astrophysics (IOAA). A OLAA é uma olimpíada recente.
Nas diferentes versões em que foi realizada essas aconteceram em 2009 no Rio de Janeiro, Brasil, em 2010 em Bogotá, na Colômbia, em 2011 novamente no Rio de Janeiro, Brasil e em 2012 em Barranquila, Colômbia.
A IOAA é mais antiga, já tendo ocorrido em 2007, na Tailândia, em 2008, na Indonésia, em 2009, no Irã, em 2010, na China e em 2011 na Polônia. Inclusive, nas versões de 2009 e 2010 tivemos o aluno Otávio como participante.
Caso nossos aluno consigam ser selecionados para as versões de 2013, ainda não sabemos os locais onde tanto a OLAA e a IOAA acontecerão.
Para particpar de uma das versões dessas olimpíadas internacionais, nossos alunos, entre outros do Brasil, participarão de processo seletivo que se dará em duas fases. A primeira será uma prova objetiva, realizada também à distância, no início de fevereiro de 2013. A segunda consistirá numa prova presencial, discursiva, a ocorrer simultaneamente em diversas sedes regionais, no meio do mês de março. Mais detalhes serão dados no futuro.Além de ser a primeira etapa do processo de seleção para olimpíadas internacionais, os alunos participarão de um curso à distância que pretende cobrir diversos temas astronômicos interessantes. Consistirá da leitura de apostilas que serão enviadas via internet e da discussão de temas gerais e dúvidas via fórum.O curso à distância, elaboração de provas e seleção das equipes ficará sob a responsabilidade do astrônomo Dr. Jaime Fernando Villas da Rocha (jvillasdarocha@yahoo.com.br), o qual contará com a colaboração do CCD (Comitê de Colaboradores Discentes). Este é um grupo de ex-alunos da olimpíada que desenvolve o curso à distância de astronomia e é responsável pela organização da seleção de alunos para as olimpíadas internacionais de astronomia.
Sem dúvidas, os alunos, além do curso à distância promovido pela organização da OBA, receberão orientações e formação na área de astronomia e astrofísica com os professores do CMPA.
Por fim, queremos destacar que os alunos selecionados na XV OBA, entre 785.191 participantes, foram os seguintes:
 
alu_cod_esc esc_nome alu_nome
3868 Col. Militar de Porto Alegre Nicolau Pereira Alff
3868 Col. Militar de Porto Alegre Filipe Brito Hamburgo
3868 Col. Militar de Porto Alegre Alessandra Dorigon
3868 Col. Militar de Porto Alegre Gabriel Griep
3868 Col. Militar de Porto Alegre Lucas Hagemaister

Lembramos ainda que além dessa classificação, os alunos Alff e Hagemaister também foram agraciados com a participação na Jornada Espacial que se realizará no mês de novembro, em São José dos Campos, SP.